Rio Minho: tradição no centro do Rio de Janeiro

sopa-leao-veloso

Como bom capricorniano, dizem que eu já nasci velho. Talvez isso explique minha obsessão por aqueles restaurantes clássicos que ainda existem no Centro do Rio, quase escondidos, com cardápios longuíssimos, respeitáveis garçons de terno branco e gravata preta e toalhas imaculadas. No Rio Minho, fundado em 1884, a tradição é vigiada por um retrato do Barão do Rio Branco, um de seus clientes mais famosos ao longo de tantas décadas de serviços prestados aos cariocas.

Mas nem o olhar atento e severo do Barão garante uma entrega brilhante por parte da cozinha, que é, no entanto, competente e consistente. O cardápio, sem modismos ou invencionices moleculares, é forte em frutos do mar, com assumidas influências portuguesa e espanhola, comme il faut na tradição carioca.

Vale explorar o cardápio, o que tenho feito com mais entusiasmo do que propriamente método. Ainda não tive tempo de provar tudo, mas me arrisco a fazer ao curioso leitor duas recomendações pessoais. A primeira é uma deliciosa moqueca de cavaquinha, que não é nada portuguesa ou espanhola.

A segunda é a Sopa Leão Veloso (foto acima), uma especialidade casa. Trata-se de um caldo rico e revigorante, com cherne, camarões, lulas, cavaquinha e mexilhões. O prato foi criado pelo diplomata Pedro Leão Veloso, que se inspirou na tradicional Bouillabaisse marselhesa. Não é prato recomendado para a canícula do verão carioca, mas cai muitíssimo bem nos atuais dias de temperatura civilizada de outono.

Veja aqui uma simpática reportagem do RJTV, da Globo, sobre a Sopa Leão Veloso.

Recomendo muito o Rio Minho para quem quer desfrutar de uma clássica experiência gastronômica carioca ou fazer um almoço de negócios no Centro do Rio.

AVALIAÇÃO
– Comida: 8/10
– Ambiente: 9/10
– Serviço: 8/10
– Carta de vinhos: 7/10
– Preços: caro

Dica extra: quem quiser experimentar a culinária tradicional do Rio Minho mas anda curto em fundos pode optar pelo Cabaça do Minho, o bar ao ar livre que fica na lateral do lindo edifício do restaurante. Bom, bonito e relativamente em conta.

RIO MINHO
Rua do Ouvidor, 10
Centro – Rio de Janeiro
Telefones: (21) 2509-2338 e (21) 3852-1894

Editores, colaboradores e convidados do portal Gastronomix.

2 Comentários

  1. Duas delícias juntas: a recomendação do restaurante carioca e o texto de Flavio Castro. Imperdíveis, sempre

  2. […] ao passado. Deve ser o meu lado capricorniano, mencionado naquela primeira coluna sobre o Rio Minho. A questão é que não consigo […]

Deixe um Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.