Leo Hamu é o chef da vez no Culinária e Cultura

Leo Hamu _ Foto João Marcondes

Segue até 2 de dezembro, na Belini Pães e Gastronomia (113 Sul), o projeto Culinária e Cultura, resultado de parceria entre o restaurante e o coletivo de chefs Cerrado no Prato — integrado por Leo Hamu, Ana Paula Jacques, Matheus Zanella, Leandro Nunes e Simon Lau.

O Culinária e Cultura consiste numa série de cursos e jantares que têm como tema ingredientes da região do Distrito Federal e entorno. Cada chef é responsável por um módulo, composto por duas aulas e um jantar, cujo menu continuará sendo servido na Belini durante duas semanas.

Nos próximos dias 28 e 30 de outubro e 1º de novembro, será a vez de Leo Hamu comandar o módulo Técnicas Ancestrais do Cerrado. Confira os menus (e a programação completa do evento você pode ver aqui)

Dia 28/10
Aula de sopa de chapeuzinho (capeletes de carne suína cozidos na coalhada e temperados com hortelã) + Arroz com carne na lata e açafrão da terra

Dia 30/10
Aula de quibebe de carne de sol com manteiga de garrafa + Chica Doida (pamonha de milho com bacon, linguiça e queijo)

Dia 1/11
Jantar
Entrada: Chich Barak (coalhada síria cozida com hortelã e capeletes)
Prato principal: Carne de fumeiro acompanhado de tutu e uma salada de azedinha com palmito de guariroba.
Sobremesa: Banana assada com melado e queijo curado.
Obs: menu ficará disponível até dia 14/11 no Belini.

Jornalista

Jornalista paraibano radicado em Brasília. Há 30 anos, trabalha com jornalismo cultural e, mais recentemente, com os assuntos de gastronomia. Passou pelas redações do Jornal de Brasília, Correio Braziliense, Jornal da Paraíba, Veja Brasília e site Metrópoles. É autor do livro O Fole Roncou, finalista do Prêmio Jabuti em 2013. Atualmente, também é editor do Boníssimo (link para bonissimo.blog), blog que aborda assuntos de cultura, diversão e ações positivas. Está no Gastronomix desde sua criação em 2009.

Deixe um Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.